Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2014

Meu cativeiro

Ainda está escuro quando abri os olhos na silenciosa madrugada da última quarta. Tentei imaginar que horas poderiam ser, quando o despertador começara a tocar. Eram cinco horas. O primeiro dia em sete sememas que eu levantava para treinar. Uma pergunta não saia da cabeça. Eu me questionava sobre o quanto eu poderia ter regredindo após tanto tempo parado.] O ritual foi o de sempre. Lanche rápido e vestir as roupas separadas na véspera.Demorei mais que de costume. Falta de prática, mas as cinco e meia eu estava na rua. O aquecimento foi feito, enquanto o Garmin sincronizava o GPS, e foi curtir os quarenta minutos de treino. Dava até para forçar e correr o treino inteiro, mas a frequência cardíaca estava bem mais alta que de costume. Assim, pouco antes da metade do treino resolvi caminhar. Forçar para que? Estava comemorando um triunfal retorno, depois de ficar amarrado ao sofá em meio aos estudos e afazeres do dia a dia. Temperatura baixa, ruas tranquilas e uma alvorada inspiradora como …

Teias e aranhas

Ultimamente, as necessidades da mente têm prevalecido sobre as do corpo, mas fico feliz que eu tenha desenvolvido preparo físico para aguentar esta fase. O encontro com os amigos têm ajudado a manter a ansiedade sobre controle, já que nem as revistas tenho lido ultimamente. Aos amigos blogueiros, minhas desculpas pelo sumiço, mas volto em breve. Outro dia olhei para o canto do armário e fitei meu Kayano por algum tempo, imaginando se daqui a pouco uma aranha faria dele um ninho. Saudade do tênis. Boas passadas!

Corredores também comem

Os encontros estão cada vez melhores e as estórias ainda mais diversificadas. Esta semana a mesa foi composta por novos personagens. A Ana adora maratonas em trilhas. A Malu treina na areia praticamente todos os dias. O Victor (do blog Corrida Urbana) com seus tempos incríveis. Aline com suas provas curtas. O Rodrigo e suas muitas maratonas. A Drica e as ultramaratonas. Eu? Sigo em frente.
Boas passadas!