Pular para o conteúdo principal

Parada para um check up

Desde de dezembro procuro tempo para realizar meu check up, mas graças a minha comissão técnica (diz-se: minha amada esposa que tanto se preocupa comigo) realizei os exames de sangue e tive agendado o teste de esforço e finalmente o tal do teste ergoespirométrico. Finalmente descobrirei qual o meu VO2max.
Já me disseram que não estou no grupo de risco, mas prevenir e conhecer nossos limites não custa nada. Realmente nada, pois o plano de saúde já foi pago. Então é usá-lo a meu favor. Precavido demais? Abaixo alguns motivos para tanta precaução:
  • Parar de treinar por passar mal inesperadamente
  • Ficar mal humorado pela falta de treinos
  • Enlouquecer ao ver alguém correndo
  • Ver o tênis pegando poeira no sapateiro
  • Dores nas costas
  • Aumento dos gastos com a vídeo locadora
  • Fazer barriga com um regime extra-ordinário de pipoca e doces com os filmes da locadora
O problema do ser humano é achar que um problema nunca acontecerá com ele.



Marcadores de rotas e treinos

Como já mencionei em algumas oportunidades, uma das formas que encontrei para manter o foco foi registrar meus quilômetros percorridos e marcar minhas rotas prediletas. Inicialmente medi as rotas através do Google Maps, mas pouco depois conheci o Running Map. Em virtude do meu cadastro em algumas corridas recebi um convite para conhecer o Gatorade Maps. Legal, em português, mas não vi vantagens em relação ao Running Map. Se você está começando a treinar, talvez lhe seja interessante.
Agora que você sabe quantos quilômetros sua rota de treino possui, falta um lugar para registrar seus treinos. Como usuário de um monitor cardíaco da Polar, acabei conhecendo o site Polar Personal Trainer. Um bom site para você controlar seus quilômetros.
Para você não achar que sou completamente maluco por estatísticas, uso como desculpa a necessidade de controle dos quilômetros rodados pelo tênis. Os tênis de alto desempenho duram aproximadamente de 600 a 800 Km dependendo de variáveis como peso e frequência de uso do calçado. A lenda diz que o ideal é utillizar o tênis em dias alternados, mas já ouvi comentários contrários a este. O importante é você encontrar um jeito de saber que chegou o momento de trocar de tênis.
Links deste post:
www.gatorademaps.com.br
www.runningmap.com
www.polarpersonaltrainer.com

De graça, não! Mas quase
No dia 20 de fevereiro teremos o CISM Day Run (Conselho Internacional de Esportes Militar). Esta entidade promoverá neste dia esta corrida em várias cidades do mundo a fim de promover a integração entre as forças armadas e a população civil. Este ano o evento ainda tem outros objetivos, tais como a divulgação dos Jogos Militares que ocorrerão no Rio de Janeiro e angariar suprimentos para as vitimas da região serrana. Para inscrição na prova de 10 Km, basta levar 1 Kg de alimento não perecível e preencher os formulários para retirada do Kit de corrida.

Suplementos
Apenas contabilizando. Desde que iniciei os treinos experimentei o Carb Up 7  Hour Energy e por último o Exceed Gel. O mais saboroso foi o Exceed Gel e com relação a eficiência ainda estou dividido entre este e o Carb Up. Talvez pelo hábito. O Malto Dextrin continua sendo a pedida para matar a sede nos longões, apesar de algumas outras opções disponíveis no mercado. Para complementar a alimentação e conter a perda de peso, este mês começarei a utilizar o Massa 3200 da Probiótica. Com o IMC em 23.21 estou até leve e pronto para ganhar massa magra com as futuras (diga-se sem data para começar) sessões de musculação na academia.

Vi e gostei
Vai ser implicante assim... na Itália, pelo menos eu acho que este era o cenário desta propaganda :-) Acho que esta propaganda mostra como somos competitivos e basta uma pequena centelha para criar um incêndio em nosso peito. Se um dia eu sem querer te morlhar ao pisar em uma poça, foi mal ae :-)

Comentários

  1. Fala André! Tenho intensificado os treinos para a aventura de Parati, tenho corrido 5 vezes na semana, mínimo de 10 km. Estou fazendo um experimento de calor, ontém consegui correr 10km naquela "lua" às 17hs... Com parada para um coquinho pq ng é de ferro...mas hoje não resisti a uma esteira com ar-condicionado... Onde vc conseguiu achar um teste ergoespirométrico? Depois me passa as dicas que farei também. Abs!

    ResponderExcluir
  2. Seu ritmo está mais que ótimo. Espero ter fôlego para te acompanhar no próximo longão, meu amigo.
    Com relação ao teste, ainda não foi desta vez, mas tenho novidades. Existe um teste que independe do equipamento. Vou procurar saber mais sobre o assunto e lhe atualizo :-)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por você passar por aqui.
Deixei sua opinião ou comentário sobre o tema. Uma boa conversa é sempre salutar.
Boas passadas!

Postagens mais visitadas deste blog

André e seu novo tênis: Asics Gel Cumulus

É o Cumulus! O tênis me obrigou a fazer uma homenagem ao velho humorista que tive a satisfação de conhecer na minha infância, quando os Trapalhões passaram por Recife. Mas Cumulus é o nome do meu novo parceiro de corrida. O Asics Cumulus é um tênis com ênfase no amortecimento, mas não tão caro quanto o Asics Nimbus ou o Asics Kayano. Teste de rua. O tênis é realmente impressionou, com um amortecimento realmente inesperado. Para quem lê pela primeira vez este blog, eu estou trocando os tênis com ênfase em estabilidade por aqueles com ênfase em amortecimento. Há algum tempo busco um bom ortopedista para diagnosticar uma dor, que acho ser na crista ilíaca (depois de muito procurar em mapas de anatomia), ao invés de passar simples anti-inflamatórios.  Eu defendo uma têse de que a dor seja consequência do impacto, tanto que enquanto usei o Adidas Cushion (amortecimento) ela diminuiu. Quando voltei para o Asics Kayano (estabilidade), assim como quando usei o Adidas Sequence ela se fez mais pr…

Você é um corredor iniciante, intermediário ou avançado?

A Runners de fevereiro (Ed. 28) começa com uma matéria muito interessante na seção Treino. A matéria Semanão fala sobre a importância dos ciclos no desenvolvimento do corredor e que tentar colocar em uma única semana todos os tipos de treino é algo realmente complicado, quando não, improvável de ser feito. A sugestão é adotar um intervalo de tempo maior para que possamos incluir todos os treinos necessários para nosso desenvolvimento. A idéia é boa, simples e de praxe a revista ainda apresenta sugestões para os treinos de qualidade. Mas o que mais me marcou na reportagem foi a forma como foi identificado o nível do corredor. É a primeira vez que vejo algo do gênero, então segue o registro:Iniciante: aquele que corre até 24 Km semanaisIntermediário: aquele que corre de 24 Km a 48 Km semanaisAvançado: aquele que corre de 48 Km a 64 Km semanaisComo você se vê? Sua quilometragem semanal será determinante para o desenvolvimento de sua capacidade como corredor, seja seu objetivo ganhar resi…

O segredo dos corredores quenianos

Passei a semana procurando informações sobre corredores quenianos. Achei matérias que justificavam o desempenho deles o fator genético, outros usaram os treinos em altitude (O Quênia está a mais de 2.000 metros do nível do mar) e por fim a dedicação. A matéria O SEGREDO DOS CORREDORES QUENIANOS de Javier Triana humaniza os feitos dos queniano, mostrando mais uma vez que somos fruto do meio. A necessidade mais uma vez faz o homem. Prova disso foi que o "britânico" Mo Farah, vencedor dos 10.000 metros e o Kiprotich de Uganda fizeram. Eles treinam no Quênia, no High Altitude Training Centre, a capital mundial da corrida em distância - veja reportagem na The Finisher.
Com um estilo de vida tão simplório, correr sempre foi algo necessário para cruzar distâncias. Como foi bem dito na reportagem, eram 10 quilômetros para ir para a escola e outros dez para voltar para casa. Assim como a bola está para as crianças brasileiras, a corrida está para as crianças quenianas. A especializaçã…