Pular para o conteúdo principal

André e seu novo tênis: Asics Kayano 18

Hoje quero falar do tênis que mais quilômetros rodou comigo: o Asics Kayano. Tudo começou com a versão 15, depois veio o da versão 16 e agora, o terceiro, é da versão 18. Kayano, nenhum outro tênis me trouxe tanto conforto quanto este. Somos o queijo e a goiabada, o café com leite, o pé descalço e o tênis (nada de sapato velho). 
Fiz o teste da pisada da Asics, quando fui retirar o Kit da Family Run em 2010, que ratificou o teste que fiz com o Guia do Tênis da Revista Runners, que na época apontava o Kayano como um dos melhores tênis do mercado e o mais adequado para minha pisada.
Uma das características que mais me agrada neste tênis é o seu amortecimento, feito para corredores com pisada pronada e que possuem mais de 90 Kg. Sim, existem tênis para os mais pesados (não necessariamente obesos) e justamente por serem tênis que possuem mais amortecimento, a mordida no bolso é maior do que a “normal”. Mas por causa dele posso dizer que fazer um longão se tornou uma atividade muito confortável e prazerosa (continua cansando!). Com ele passei um 2012 sem lesões e como em time que está ganhando não se mexe, comprei a versão 18 para me acompanhar em 2013.
Já realizei alguns treinos com o novo calçado, para ter certeza de que as pequenas modificações foram positivas. Sem surpresas, posso dizer que estou pronto para o ano novo!

O cuidado com o tênis não é neurose, pois existem sensíveis alterações no formato e composição dos tênis, que podem lhe ajudar ou comprometer. Meu primeiro tênis foi para pisada neutra-supinada (pois é... mifu!), pois o vendedor jurou que o tênis prestava para qualquer pisada. Resumo da ópera: o tênis estava destruído com menos de 3 meses de uso, pois na parte interna do pé, onde o pronador força o tênis, não havia reforço.
Assim, tive que comprar um novo tênis (que beleza, não?). Sei que não fui o único a passar por isso, nem serei o último. Assim, procure informações sobre pisada e modelos. Eu puxo uma sardinha violenta para a marca Asics. Em segundo lugar a Adidas. Falar mal de alguém? Não, isso eu não faço, pois eu acredito na singularidade do ser humano. Somos tão parecidos e diferentes que tudo pode acontecer. Pode até acontecer dos Asics e Adidas não caírem no seu gosto e os demais funcionarem bem. Essa é a vida. Esse é o ser humano.
O barato da história é poder revivê-la. Assim, fui futucar meus posts mais antigos para ver o que eu havia escrito sobre o tênis que acabou rápido e achei alguns posts legais de ler. Espero que vocês se divirtam e comentem!


Complemento. Por conta do incrível número de acessos a este post, resolvi incluir esta citação. Hoje utilizado o Asics Kayano 20 e os detalhes estão neste novo post: André e seu novo tênis: Asics Kayano 20.
Boas passadas!

Comentários

  1. Eu também gosto muito do Kayano. Já tive o 14, 16. Agora tenho um 17 e um 18. Waldemar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que honra ter pessoa tão ilustre por aqui!
      O Kayano É O CARA dos pronadores. Só deixo o Kayano descansar quando estou treinando para provas curtas, que dou preferência ao Cumulus ou o 3020. São mais leves e mais baratos!

      Excluir
  2. Toma cuidado, André. A pronação é um movimento natural que não deveria ser corrigido. Esse artigo já tem dois anos, mas ainda é atual: http://www.ransacker.co.uk/running-shoes/goings-on/what-running-shoes-should-you-wear-the-myths-busted/ . Se você se dá bem com o Kayano beleza, provavelmente você se daria com qualquer outro tênis. E se ele é confortável para você e tudo o mais, legal. Mas o teste de pisada, na minha visão, já foi ultrapassado. A própria Nike deixou de dar ênfase nisso há muito tempo. As marcas mantém porque é um indutor e tanto para vender tênis mais caros... desculpa, amigo, mas não posso deixar de emitir minha opinião nesse assunto que me fascina.
    grande abraço,
    Sergio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sérgio, meu amigo.
      Como eu iria lamentar o fato de você querer compartilhar conhecimento? Só tenho a agradecer. Mas talvez eu devesse melhorar meu texto dizendo que uma compra induzida pelo teste se mostrou eficiente e acabei me fidelizando ao modelo.
      Porém o assunto se torna polêmico, pois o tênis Nike não me satisfez. Logo coloco sob júdice qualquer informação da "concorrência".
      Eu continuo acreditando na experimentação. Tem que provar e se sentir bem.
      Quanto a correção que o tênis promove, sempre encarei com desconfiança. Minha crença era no reforço que seria feito naquela região do tênis para este resistir a forma de pisar do corredor.
      Por exemplo, o Mizuno Wave Creation virou paçoca nos meus pés em menos de 10 semanas e olha que em 2010 não rodava metade do que treino atualmente. Alguns guias diziam que ele atendia a todas as pisadas, outros que ele era neutro-supinado. Por fim, não durou para um cara de pisada neutro-pronada leve.
      Se você escrever sobre i assunto em seu blog, conte com minha visita!
      Abraços
      André

      Excluir
    2. É isso aí, André, agora entendi melhor. Definitivamente acredito que o melhor tênis é aquele com o qual você se adapta bem. Não quis dizer que a Nike seja melhor que qualquer outra marca, apenas que ela é a que mais investe em pesquisa, então deve ter uma razão para ela "abandonar" os testes de pisada. A melhor marca, em geral, é aquela que faz os tênis que se encaixam bem em termos de tamanho no seu pé. Os Nike tamanho 8.5 para mim, por exemplo, são como uma luva. Hoje, e já perguntei isso a, provavelmente, um dos maiores especialistas em tênis dos Estados Unidos, Matt Powel, não existe marca melhor que as outras. Todas tem bons modelos.

      Se o reforço serve para você desgastar menos o tênis então faz sentido usar, só tome cuidado porque em geral ele pode causar contusões, como já mostrou um estudo comentado nesse texto aqui: "Every runner in the highly pronated group who wore a motion control shoe reported an injury. In other words, all runners (yes, 100%) who were supposed to be wearing a motion control shoe based on their degree of pronation got injured." O artigo completo está em www.runblogger.com/2010/07/pronation-control-paradgim-is-starting.html#1cduqxZTzm5DBH1G.99 .

      Mas é curiosa essa preocupação sua com a duração do tênis. Eu nunca tive problema com isso. Uso meu Nike Free há 3 anos, e meu Olympikus Rio há 2, ambos ainda com muita lenha para queimar... mas sou mais leve, como você sabe. Como ambos custaram menos que R$ 200 em promoção, fica tranquilo. Mas para você é realmente um problema. Interessante isso.

      abração,
      Sergio

      Excluir
    3. Sérgio, meu amigo.
      O Asics está para mim, assim como o Nike está para você.
      Ainda não tive tempo para ler o primeiro artigo, apenas passei o olho nele. Mas com certeza o lerei, assim como este segundo link que você acabara de postar.
      De antemão já fiquei feliz com uma coisa: não sou pronador severo, tanto que já utilizei modelos de pisada neutra. Sei que as pessoas que possuem grande desvio na pisada sofrem por conta disso.
      A troca dos tênis se faz, pois fica óbvia a sensação de desconforto. O amortecimento piora significativamente depois de 800 Km rodados. Agora talvez menos, visto que minha pisada oferece menos impacto as minhas articulações e consequentemente ao sistema de amortecimento do tênis. Mas como lhe disse, a busca pelo conhecimento é uma constância. Conhecimento nunca é demais.
      Obrigado pela preocupação.
      Abraços,
      André

      Excluir
    4. André, também gosto do Kayano. Estou no meu terceiro. Tenho um Mizuno que é bem confortável como estou em pace de corrida, mas quando estou lento ele tende a roçar no meu maléolo interno do pé direito. Vai entender... Sobre o Kayano (e acho que se aplicaria a outros tênis também) é que tenho pronação acentuada no pé direito e pronação leve no esquerdo. Alguma sugestão? Att. Luis Fernando

      Excluir
    5. Oi, Luiz.
      Ainda estou para cnhecer um tênis mais confortável que o Kayano para os meus treinos. Por minha pronação ser leve, já me permiti utilizar alguns tênis para pisada neutra. Dentre eles os Asics Cumulus e o GT (esqueci o número), além dos Adidas Sequence e Response. Tentei Mizuno e Saucony, mas não sairam da loja comigo.
      Quanto ao incidente de bater o pé na outra perna, mostra um desvio considerável em relação ao seu eixo. Talvez um ortopedista pudesse lhe ajudar com palmilhas corretivas. Aqui em Niterói ouvi falar de um que faz um trabalho excelente.
      Espero ter lhe ajudado com minha parca experiência.
      Boas passadas!

      Excluir
    6. Obrigado Andre. Sigo com meu Kayano. Já ouviu falar de alguém que use em um pé um tênis pra pronador severo e no outro um tênis pra pisada levemente pronada? Se puder me dar o contato do médico ficarei agradecido. Abraço Luis Fernando

      Excluir
    7. Luiz,
      Sei que nesta vida tudo é possível, mas ainda não me deparrei cim uma situação dessas. Mas sei que i Kayano é o modelo da Asics recomendado para pronadores, independentemente de serem leves ou severos.
      Vou lhe pedir que me envie um email através do NA ENCOLHA para eu lhe passar o contato do ortopedista. O blog é um registro permanente e não convém deixar o "merchan" por aqui.

      Excluir
    8. Tenho a minha experiência com alguns modelos e pisadas diferentes. Hoje corro somente com Kayano 17, 18.... casualmente o Noosa Tri que é levemente pronado em provas mais curtas, pois tambem peso na casa dos 90kg. Mas acontece que eu já corri com Nimbus e Creation durante muito tempo, ambos pisada neutra/supinada. Eu já havia feito alguns testes de pisada simples, que sempre me informavam esse tipo de tênis, ao ingressar em uma assessoria esportiva, o tecnico disse que eu estava com o tênis errado, que eu precisava de um com pisada pronada, lá se foi meu nimbus "novo", comprei o Kayano e não mudo por nada, sabem porque? Nunca mais tive as dores nos joelhos que eu tinha antes quando corria com Creation (9 e 12) e Nimbus (12), mas como falaram acima, o ser humano é diferente, cada um tem uma percepção, esta é apenas a minha contribuição.
      Agora estou aposentando meu Kayano, assim que sair o 20, pois já passei da conta com o atual correndo pouco mais de 800Km em 2013.

      Excluir
    9. Obrigado pela visita, meu anônimo amigo. 800 km é um número a se respeitar, mas que por se tratar do Kayano algo previsível.
      Sua fidelidade ao modelo não é gratuita, pois é um caso de sucesso. Que venha o próximo e que ele seja tão bom quanto seu antecessor.
      Boas passadas!

      Excluir
  3. Meu novo tênis também é um Kayano 18! ;)

    E eu tenho adorado o tênis novo, viu? É quase um carinho no pé! rs

    Fiz um teste de pisada numa loja da asics, em SP, e, para minha surpresa, deu que tenho uma pronação considerável no pé esquerdo e severa no direito! Que medo eu senti na hora, viu? porque, como você, também corria com um para pisada neutra-supinada!

    Mas confesso que o comentário do Sérgio me deixou encucada. Depois vou acessar o link que ele deixou.

    André, que bacana o seu comentário lá no blog.

    Agradeço mesmo pelas suas sábias palavras e conselho para que eu tome cuidado com o exagero. É sempre bom ouvir isso porque, se descuidar, a gente acaba indo além do que o corpo pode dar. Pelo menos comigo é assim. rs

    Eu realmente não iria fazer duas provas em março. Havia feito a inscrição apenas no circuito Athenas, depois que li aquele seu post.

    Mas meu irmão acabou me inscrevendo também no circuito adidas sem que eu soubesse. Achei fofo da parte dele. Por isso acho que vou correr as duas provas, mas, em uma delas, não vou me preocupar com o tempo. Vou só para me divertir mesmo.

    Talvez seja a melhor solução, não sei.

    Eu me matriculei numa assessoria de corrida. Já falei de meu objetivo. Mas, sinceramente, não vejo uma preparação realmente personalizada e específica para meia maratona. E isso tem me chateado um pouco.

    Mas eu tenho visto nessas planilhas divulgadas pelas revistas que a preparação para uma meia dura em média uns quatro meses. Como pretendo correr a meia mais para o final do ano, tenho deixado as coisas como estão e seguido a planilha da assessoria.

    Mas vou ficar mais atenta, sim, André. Obrigada mesmo.

    Ui, que comentário gigante! Desculpa! rs

    Um abraço, Renata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renata,
      Bem-vinda ao mundo dos apaixonados pelo Kayano, minha amiga. Mas tenho uma boa notícia para você, visto que você tá fininha. O Kayano foi projetado para pessoas com mais de 90 Kg. Nada lhe impede de usuá-lo, mas a Asics possui modelos mais baratos e que podem lhe atender.
      Ainda não vi o vídeo, mas é algo que o farei com certeza.
      Fiquei meio sem graça sobre o que escrevi. Achei que tinha abusado da sua confiança. Fico grato que você tenha visto meu receio com bons olhos. É só correr a prova como um treino. Seu treinador com certeza tem uma sugestão quanto a isso.
      Em relação a meia maratona, os sábios do Olimpo recomendam criar alguns calos com provas de 10 e 16 km, antes de se submeter a esta provação. Por falar nisso, qual foi seu tempo nos 10 Km? A partir dele dá para se projetar o tempo da meia maratona :-)
      A 3a etapa do Circuito Athenas é uma meia maratona, mas o tempo pode estar quente em novembro. Quem sabe? Gostei muito de correr em julho, no friozinho, apesar do sol e céu azul.
      Obrigado pela visita!

      Excluir
    2. Imagina, André! Eu que fico grata por sua atenção e cuidado!

      Fiz os 10km, nessa última prova, em 59:15.

      Quanto à meia, eu tenho pensado mais no final do ano justamente para correr mais provas de 10km e pelo menos uma de 16km. Gostei desse circuito athenas progressivo sobre o qual você escreveu há aguns dias! Mas realmente tem o inconveniente de ser no calor de novembro!

      Tenho que colocar isso na balança e ir ajustando os planos!

      Um abraço,

      Renata.

      Excluir
    3. Também sou fã do Circuito Athenas e apesar do calor penso em correr as 3 etapas. Mas existe uma tentação maior: uma corrida de aventura que ocorre em Búzios. Corri ano passado e me amarrei de montão.

      Mas fico feliz com sua prudência. A grande maioria dos corredores iniciantes acabam abandonando o esporte após a primeira contusão nos primeiros meses de treino.

      Um amigo ficou tão feliz que emagreceu com a corrida e a dieta, que errou na conta. Aumentou de 3 para 5 treinos por semana e arrumou dores no joelho. Está fazendo fisioterapia há quase 3 meses e voltou a trotar só agora.

      Excluir
  4. André,

    Eu, particularmente sou fã de Asics e Mizuno.

    Mas, concordo inteiramente com o que você disse (no texto e/ou em um dos comentários): o importante é experimentar, analisar qual marca/modelo te traz mais conforto/amortecimento durante os treinos. Com o tempo, a gente acaba sabendo o que é melhor...

    Em tempo, tenho pisada neutra a levemente supinada (então, por essa característica minha, ainda não provei o Asics Kayano, que é rotulado como tênis para pisada pronadora).

    Abraços e bons treinos.
    Brunno - http://movidoaendorfina.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí, Brunno.
      O Mizuno Wave Creation deve ter lhe caído como uma luva!
      Obrigado pela visita.

      Excluir
  5. Grande André, sou fã de Asics e Mizuno igual o Brunno, sou neutro-supinada. Tenho um creation 12, no iníco achava que ele me incomodava no pé esquerdo, mas depois de um tempo, acho o melhor para correr em treinos mais longos. Um amigo meu trouxe o nimbus 14 dos EUA por um preço bem bacana, metade do preço do brasil. Ainda ão fiz nenhuma prova com ele, ainda acho que falta amaciar mais um pouco. Tenho tbm um Blur33 é super leve, muito bom para treinos curtos. Acho compra de tenis um pouco complicada acabo pagando para ver e sempre tento mudar. As vezes não me dou muito bem, mas faz parte.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala, Victor.
      Tentar novos modelos é sempre salutar, pois vai que o modelo que gostamos sai de linha? Eu mesmo já usei diferentes modelos da Asics e alguns Adidas, mas sempre mantenho um Kayano por perto.
      A luta para gastar menos ingestão, mas possível. Comprar o modelo que está saindo de linha, promoções da Internet e o velho amigo que vai aos EUA. Vale tudo para continuar correndo bem.
      Boas passadas!

      Excluir
  6. Oi, André! Eu sou absolutamente apaixonada pelo kayano 18. Até saiu o 19, mas não tive coragem de trocar. Acho que só trocaria pelo nike lunaglide 4. Ótimo texto. Bjs!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita, Fran. O Kayano realmente cai como UM TÊNIS nos meus pés. É meu preferido e me dou ao luxo de tê-lo para os treinos pesados do primeiro semestre.
      Até o meio do ano eu fico acompanhando o mercado em busca de novidades.
      Espero te ler novamente.
      Boas passadas (com seu Kayano)
      André

      Excluir
  7. Olá André,

    o Nimbus 14 também é indicado para pronadores? Comprei um ontem, mas pesquisando achei o Kayano 19. Pelo que percebi tenho pisada pronada e inclusive estou desenvolvendo "canelite". Acha que devo trocar o Nimbus pelo Kayano?? tem muita diferença?? Obrigada. Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Larissa.
      Sempre tomei como referência o site Mundo Corrida (www.meumundocorrida.com.br) e ele indica o Nimbus para pisadas neutra ou supinada. Isto é, o oposto do que você almeja.
      Os tênis fazem diferença, pois a forma como são construídos AUXILIAM nossa pisada. Se você comprar o tênis errado, vai acabar destruindo o coitado antes da hora e vai ter menos suporte para sua corrida. Quanto a canelite, a coisa vai além do tênis. O estresse na sua canela deve-se também a forma como você corre, ou a "falta de força" no seus "amortecedores" (pés, panturrilhas e joelhos).
      Se você treina sozinha, digite no google andreeotenis+bursite e leia a matéria sobre minha contusão. Ela vai lhe dar um norte sobre contusão. Se você tem um treinador, converse com ele antes que a coisa piore. Canelite dificilmente é por conta de um problema congênito. É algo que os corredores desenvolvem (muitas vezes nos primeiros meses) pela inexperiência, ou por descuido quando já mais rodados.
      Qualquer coisa estou a disposição.
      Boas passadas!
      André

      Excluir
  8. ola pessoal parabens,pelos comentarios,trabalho aqui em ilheus-ba na silva calçados e trabalho com esse tenis e outros tenho outras marcas tambem muito boas,agora meus clientes falam muito bem do kayano18.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou muito impressionado, pois já ultrapassei os 1200 km com ele e continua em boas condições.
      Obrigado pela visita.
      Boas passadas!

      Excluir
  9. André, boa tarde!! Estou começando a praticar exercício, hoje estou correndo 3 e caminhando 3....comprei o Kayano 18 e o 19...e estou indo para o 20 em janeiro.....e agora não quero comprar outro....uso para fazer exercício ou passear, um tênis super confortável o Kayano é perfeito.....lendo algumas coisas, descobri sobre a pisada, vou na loja da Asics fazer o teste e descobrir a minha, caso seja neutro, não poderei mais usar o Kayano?? Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado,
      Vou lhe passar uma recomendação: vá aí ortopedista. Se tiver acesso a um fisiologista vá até ele também.
      Como este blog não foi feito sob premissas científicas, posso lhe dizer que li em algum lugar que o melhor tênis é que te faz bem.
      Boas passadas

      Excluir
  10. André, boa tarde?? Estou começando a praticar exercicio e adoro o Kayano, tenho o 18 e 19....em janeiro estou indo para o 20....estou usando para (Correr 3 e caminhando 3km)....Por ser super confortável, não gostaria de trocar....tenho que fazer o teste da pisada ainda, mas vamos supor que seja "Neutro"...não poderia mais usar este tênis?? Desculpa de repente a pergunta, mas como um corredor e adorador pelo Kayano, tomei a liberdade da pergunta....Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado,
      Fiquei com uma dúvida: por quanto tempo você usa cada tênis? Nos primeiros anos eu gastava os tênis com maior frequência, mas com o desenvolvimento técnico o gasto foi reduzido. Ainda estou com o mesmo tênis e mesmo após quase 1300 km, ele ainda apresenta boas condições.
      Virou meu desafio pessoal saber o limite deste calçado. Seu sucessor já esta na sapateia esperando sua vez.
      Informação importante. Já fiz dois testes da pisada. O primeiro informou uma pisada levemente pronada e o segundo uma pisada neutra. Por isso a importância de procurar um especialista no assunto. Até para saber que risco você corre por desejar continuar usando um tênis feito inicialmente para pronadores.
      Boas passadas e feliz natal!

      Excluir
    2. André, uso o tênis, só no final de semana, e quando vou sair para algum lugar uso o mais novo "19" para exercícios uso o 18 e um outro modelo que tenho, de segunda a sexta.......Vou na loja da Asics fazer um teste e procurar saber sobre o kayano.....é complicado as empresas fazem os tênis sem informar a população qual é pisada de cada um.....mas obrigado e Feliz Natal.

      Excluir
    3. Realmente não me recordo de ver qualquer informação na baixa, porém no site da Asics e de várias loja informam cuidadosamente a especificidade do tênis.
      Para caminhar, salvo você possuía algum desvio ou desnível significante entre seu lado esquerdo e direito, usar para andar não é problema. A preocupação deve existir para corrida, pois estamos falando de um movimento repetitivo de longa duração.
      Espero que sua costuma com o ortopedista lhe tranquilize.
      Boas passadas.

      Excluir
  11. Tenho pisada pronada (fiz teste da pisada) e uso o Saucony Hurricane 14 e também um Asics GT 2000. Gosto do Asics, mas me sinto muito melhor correndo com o Saucony. Estou pensando comprar um Kayano, mas me devido a adaptação ao Saucony ainda tenho dúvidas. Abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, José.
      Eu realmente nunca usei Saucony, assim não tenho como lhe dar referências sobre este. Quanto ao GT, eu fui usuário do antigo 3020 e gostei. Fiz inclusive um post sobre ele.
      Quanto ao Kayano, você já viu... sou fã de carteirinha. Uma luva para os meus pés. Acho que você não irá se arrepender, pois é um calçado de grande qualidade.
      Boas passadas!

      Excluir
  12. Olá, Tenho Pisada Neutro-Pronada Leve, ainda estou com dificuldades em qual tênis adquirir. Apesar de já ter sido atleta durante 4 anos e nunca ter pensado em tipo de pisada, hoje (11 anos "parado") quero retornar. Porte físico: 62Kg, Altura 170cm. Preferência por tênis baixo, isso dificulta muito a compra. Já vi o Asics Exalt, achei "duro", muito "borrachudo". Apesar de já ter corrido com Rebook baixo e leve todo de tecido. Solicito auxílio para o "fim dessa jornada". Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oscar,
      Normalmente faço mão do guia do tênis da revista RUNNERS. Ele é lançado trimestralmente na revista. Salvo engano na revista deste mês deve sair. Poderei lhe confirmar nos próximos dias. Mas posso lhe afirmar por conta do seu peso e altura que a Asics possui alguns tênis baixos. Outra boa opção para você são os Adidas.
      Outro site que pode lhe ajudar a encontrar o tênis é o mundocorrida.com.br.
      Boa sorte.

      Excluir
    2. Desculpe a demora rsrsrs(quase um ano depois)...Obrigado, pelas orientações. Quanto a revista RUNNERS, realmente não verifiquei. Ainda continuo de um tênis que atenda minhas necessidades. Estou ainda na fisioterapia, mas liberado pra correr, fascite plantar não é fácil, meu histórico de lesões também não ajuda (tendinite, tenossivite). Novamente Obrigado André!

      Excluir
    3. Estimo sua melhora, Oscar. Talvez seja relevante você ter o acompanhamento de um ortopedista e uma assessoria neste momento complicado.
      Se cuida

      Excluir
    4. Estimo sua melhora, Oscar. Talvez seja relevante você ter o acompanhamento de um ortopedista e uma assessoria neste momento complicado.
      Se cuida

      Excluir
  13. Olá! Vc disse lá em cima que tem outros modelos ASICS para pronadores que tem um preço mais em conta. Vc poderia me dizer alguns modelos.... :Ddesde já, obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Márcia.
      A Asics mantém em seu sites um guia para pronadores em http://www.asics.com.br/guia-pronacao/.
      Como nosso mercado funciona de forma "peculiar", não me arrisco a dizer qual dos modelos está com preço inferior a R$ 350,00. Mas com certeza você os encontrará.
      Boas passadas!

      Excluir
  14. Hoje descobri que uso o tênis errado para o meu tipo de pisada, a pronada. Eu achava que minha pisada era a supinada e usava o Asics Nimbus há uns 8 anos !!! Tinha canelite direto e outras mazelas. Meu médico indicou o Asics Kayano !!! Vou comprar agora, pois já tive Adidas e Mizuno e não me adaptei muito. Asics é o melhor !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótima notícias, Eduardo.
      Espero que sua condição melhor e aproveite melhor este esporte fantástico.
      Boas passadas!

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado por você passar por aqui.
Deixei sua opinião ou comentário sobre o tema. Uma boa conversa é sempre salutar.
Boas passadas!

Postagens mais visitadas deste blog

Do jeito que dá

A crise realmente chegou para todos. Da mesma forma que Lelo Apovian relata (na matéria A corrida não pode parar, publicada recentemente no site da Runners World Brasil) que a vida não está fácil para quem vive da corrida, não está fácil para nós que desafiamos o orçamento do mês para encaixar eventualmente acessórios e inscrições nas despesas mensais. É preciso se planejar e saber quanto é quando gastar. Nestas horas relembro de informações cortadas nestes anos de corrida. Uma que se aplica bem a este momento foi dita pelo nosso melhor maratonista (na minha humilde opinião) de todos os tempos. Vanderlei disse que se preparava para participar em alto nível de suas provas em média num ano. Particularmente algo sensato até para nós amadores, já que a maioria das planilhas treino (genética ou não), sugerem oito semanas de treino para um prova. Além de bom adequado, fisiologicamente dizendo, faz bem para o bolso nos dias atuais. Muitas organizações sabendo que as pessoas serão mais criteri…

Asics, Fundação do Câncer e o GEL-Noosa TRI 10

A Asics e a Fundação do Câncer chegam ao terceiro ano de uma campanha, onde 10% da receita da compra de produtos da coleção Accelerate Hope será doada para a Fundação do Câncer. Pesquisando sobre o modelo do tênis envolvido na campanha descobri que este foi feito para pronadores como eu!
A Edição especial da série GEL-Noosa TRI 10 com cores comemorativas da campanha Accelerate Hope, além do visual, a nova entressola Solyte e a placa Propulsion Trusstic garantem melhor amortecimento e resposta mais rápida durante as passadas. A altura do calcanhar reduzida oferece mais performance com um contato mais eficiente.
O que eu sei sobre este modelo?
Praticamente nada. Um verdadeiro tiro no escuro. O blogueiro Victor Caetano deixou seu feedback sobre o modelo no Corrida Urbana. Vale a leitura. O que me chamou atenção foi o menor peso em relação ao Kayano, referência para quem tem pisada pronada (na minha humilde opinião).
O tênis é muito difundido entre triatletas e o cardaço elástico foi feito ju…

Rebuild

Umas das coisas que mais admiro nesta vida é a possibilidade de mudar as coisas. De desenvolver, criar, crescer. Uma das coisas que mais tenho receio nesta vida é o imponderável, pois ele é a pitada de improvável em nossos planos, mas como diria Darwin, os organismos mais bem adaptados ao meio têm maiores chances de sobrevivência. E assim vou eu após praticamente cinco meses sem colocar o tênis.
Sair hoje cedo (não tão cedo quanto nos velhos tempos) para meu primeiro treino do ano foi muito bom. Não aconteceu nada de novo ou inesperado. Trote leve por quarenta minutos, coração com frequência alta e algumas dores de um corpo há muito abandonado.
O céu de outono azulado e sem nuvens era mesmo de outros anos. Os poucos corredores que acordam cedo eram praticamente os mesmos. O que mudou? Tudo, pois a cada passo ficamos mais fortes, mais resilientes e capazes de buscar o melhor para nós e para àqueles que nos cercam. É a busca incansável pelo equilíbrio corpo/mente para viver de uma única m…